voltar ao início
28 de Julho de 1914 - início da I Guerra Mundial
Panorama de Verdun, 1917. Fotografia oferecida ao Presidente Bernardino Machado quando da sua visita à Frente, em Outubro de 1917. (Documentos Bernardino Machado)
Verdun foi a batalha mais mortífera da I Guerra Mundial - entre 21 de Fevereiro a 18 de Dezembro de 1916, os exércitos francês e alemão sofreram cerca de 970.000 baixas.
Agenda de Mário Soares

0540

16-10-2013 : 13:00Restaurante "COM-TRADIÇÃO", da Associação 25 de Abril, Lisboa

Almoço/Palestra na Associação 25 de Abril

Textos de Mário Soares

576

Resposta ao povoArtigo publicado no Público30.MAI.2014

575

Dia das eleiçõesArtigo publicado no Diário de Notícias27.MAI.2014

574

Direitos HumanosArtigo publicado no Diário De Notícias20.MAI.2014
ler todos

Iniciativas

001117

Sala de Leitura14-7-2014
A Sala de Leitura encontra-se aberta ao público até 14 de Agosto, encerrando para férias e reabrindo dia 1 de Setembro.

001107

III Encontro de Arquivos Contemporâneos - Call for Papers27-10-2014Auditório da Biblioteca Nacional de Portugal
001107
Pretende-se abordar a situação em que se posicionam os Arquivos, as Bibliotecas e os Museus nos nossos dias, designadamente enquanto repositórios de conhecimento e de cultura e considerada a sua progressiva utilização de meios informáticos e, sobretudo, o recurso à disponibilização dos seus fundos e colecções através da internet.

001116

Estatuto do Arquivo e Museu da Resistência Timorense aprovado em Conselho de Ministros da RDTL24-6-2014
001116
O Conselho de Ministros de 24 de Junho de 2014 da República Democrática de Timor-Leste aprovou o Decreto-Lei que inclui o Estatuto do Arquivo e Museu da Resistência Timorense. Este Instituto Público é dotado de autonomia administrativa, técnica, financeira e património próprio.
O Arquivo & Museu da Resistência Timorense (AMRT) foi criado em 2005 com a principal missão de preservar, valorizar e divulgar a memória da Resistência e a cultura do povo timorense, bem como o património histórico nacional.

001114

Participação da Fundação no projecto do Museu do Aljube-Resistência e Liberdade23-5-2014
001114
O Presidente da Câmara Municipal de Lisboa designou a Comissão Instaladora e o Conselho Consultivo do futuro Museu do Aljube, sendo de registar a participação da FMS , dando continuidade ao trabalho realizado na exposição "A Voz das Vítimas", organizada naquela antiga cadeia política em 2011.

Fundação Mário Soares
Rua de S. Bento, 176 - 1200-821 Lisboa, Portugal
Telefones: (+ 351) 21 396 41 79 | (+ 351) 21 396 41 85 | Fax: (+ 351) 21 396 4156
fms@fmsoares.pt | arquivo@fmsoares.pt | direccao.casa-museu@fmsoares.pt

número de documentos online: 56.286 | número aproximado de páginas online: contagem de total de pags nao abriu...