voltar ao início
Arquivo & Biblioteca

Cronologia


[registo específico]
domingo, 21 de Março de 1965O "Diário de Moçambique" é suspenso no quadro de um desentendimento entre o bispo da Beira, D. Sebastião Resende, e a Censura

036620


Suspensão do "Diário de Moçambique", na sequência do conflito entre o bispo da Beira, D. Sebastião Resende, e os Serviços de Censura. É sabido que o Bispo da Beira, D. Sebastião Soares de Resende, seria o mentor no seio da Igreja Católica, já no decurso da década de 60, das posições mais críticas do regime colonial português em Moçambique. Tal inflexão explica-se, estamos em crer, porque entretanto a situação colonial tinha ganho uma nova qualidade com as manifestações proto-nacionalistas (de que o levantamento de Mueda, em Junho de 1960, é o exemplo mais paradigmático) e o início da guerra colonial. Todavia, em algumas das suas primeiras pastorais, como em «Ordem anticomunista», de 1950, já se encontram explícitas críticas ao sistema colonial português, nomeadamente ao regime de cultura obrigatória de algodão. Companhiademoçambique.blogspot

ano: 1965 | tema: Vida Política/Religiões/Questão Colonial
palavras-chave: Diário de Moçambique Bispo da Beira Sebastião Resende Censura 

voltar



Fundação Mário Soares
Rua de S. Bento, 176 - 1200-821 Lisboa, Portugal
Telefones: (+ 351) 21 396 41 79 | (+ 351) 21 396 41 85 | Fax: (+ 351) 21 396 4156
fms@fmsoares.pt | arquivo@fmsoares.pt | direccao.casa-museu@fmsoares.pt